Após um ano nebuloso, social e economicamente, é tempo de se organizar e pensar nos próximos passos do seu negócio. Seja para retomar o crescimento ou expandir as operações, o planejamento comercial de 2021 é fundamental, independente do setor.

Com um plano estrategicamente preparado, é possível compreender em qual patamar a empresa se encontra e onde deseja chegar. E, nesse caminho, analisar ações e processos a serem melhorados, além de tendências de mercado que podem gerar grandes oportunidades. Além disso, é necessário pensar nas mudanças trazidas pela pandemia, como o trabalho remoto, que deverão seguir em alta no começo do próximo ano.

O blog Empreendedores do Paraná reuniu cinco dicas para você estruturar o planejamento comercial 2021 da sua empresa com eficiência. Comece o ano novo preparado para fortalecer o seu negócio!

5 dicas para o planejamento comercial 2021 ser um sucesso

1- Identifique o cenário atual da empresa

O primeiro passo para estruturar um planejamento comercial eficiente é compreender como a empresa encerrou o ano anterior. E, de forma honesta, avaliar a receita gerada, número de clientes impactados, capital de giro, entre outros pontos. Assim, você poderá estabelecer qual estratégia financeira é a mais adequada e quais pontos exigem atenção e mudanças.

Reúna informações como notas fiscais, documentação de funcionários e fluxo de caixa, entre outros. E esteja atento até aos menores gastos: é preciso ser criterioso com toda receita que entrou ou saiu da empresa.

Da mesma forma, avalie o valor total comercializado no ano, quais oportunidades se transformaram em vendas efetivamente, e quantos clientes novos foram conquistados. Com todos esses dados em mãos, você poderá definir as metas desejadas para o ano que se inicia.

Leia também: “Mensurando resultados: 4 indicadores de vendas para ficar de olho

2 – Esteja atento a dados e estatísticas de mercado

Cada gestor conhece o seu negócio de maneira aprofundada. Mas como anda o mercado dentro do seu segmento de atuação? Entender quais aspectos impactaram economicamente o setor neste ano e quais exigirão atenção em 2021 é parte essencial do planejamento estratégico.

Assim, você poderá compreender quais são os diferenciais e fraquezas da sua empresa, além de descobrir novas oportunidades de negócio. Pesquise dados sobre a economia nacional, em sua cidade e especificamente em seu ramo. Busque por ideias inovadoras, tecnologias que podem ser aplicadas no seu negócio e avalie quais funcionam para os seus objetivos.

Desta maneira, você poderá escolher estratégias com confiança, amparado em estatísticas e tendências de mercado. E, também, compreender quais ideias e processos precisam ser deixados de lado a fim de otimizar o planejamento a longo prazo.

3- Defina objetivos a curto e longo prazo de forma clara

Estratégias, investimentos, capacitação de funcionários, infraestrutura. Estes são alguns dos aspectos fundamentais para o sucesso de um planejamento comercial. Após avaliar minuciosamente o cenário da sua empresa, comece a estipular os objetivos a serem buscados em 2021.

Onde você quer chegar? A meta é aumentar o número de vendas, o faturamento, melhorar o atendimento? Anote todos os desejos para o ano, e avalie o prazo para chegar ao objetivo: longo, médio ou curto prazo. Organização é a chave para acompanhar as metas estabelecidas durante os meses, entendendo quais estão funcionando ou precisam de correções.

Além de estabelecer objetivos a curto e longo prazo, é preciso definir, de forma clara, quais setores estarão envolvidos no cumprimento de cada um deles. No começo do ano, reúna a equipe e exponha as necessidades e ações a serem tomadas. Assim, o gestor poderá acompanhar processos e resultados, aplicando ajustes mais eficientes, além de unir todos em torno do projeto.

4 – Conheça os seus públicos de interesse

Vivemos em uma era em que o bom relacionamento com a sociedade é decisivo para o sucesso de uma empresa. Por meio das redes sociais, o público se tornou ainda mais ativos em sua comunicação com as marcas. Seja por meio da interação com conteúdos, elogios ou críticas, ele tem a possibilidade de se manifestar acerca dos desejos e vivências com o seu negócio.

Por isso, é extremamente necessário conhecer os seus públicos-alvo. O quê os seus potenciais clientes precisam? De que forma o seu produto/serviço pode auxiliá-los no cotidiano? A forma como você se relaciona com eles é positiva? O mesmo é válido para fornecedores, parceiros estratégicos e possíveis investidores.

Assim você não só aprimora a experiência de produção, compra e o pós-venda, mas também pode oferecer soluções mais efetivas. Ouvir o seu público pode gerar novas oportunidades e fidelização da marca, trazendo novos clientes e parceiros e mantendo a relação com aqueles já conhecidos.

5 – Mudanças pós-pandemia: Comunicação e adaptabilidade são palavras de ordem!

Não podemos negar que 2020 foi um ano de profundas mudanças nas relações de trabalho e no funcionamento de empresas e indústrias de todos os setores. Seja pela adoção do trabalho remoto ou pelas exigências dos órgãos de saúde, a adaptabilidade foi capacidade primordial para gestores e colaboradores.

Mas não se engane: a pandemia ainda não acabou e as mudanças trazidas por ela vão perdurar para além de 2021. Algumas empresas já decidiram manter o home office ou modelos híbridos mesmo após o relaxamento das medidas de prevenção. Nas lojas e indústrias, o fornecimento de álcool em gel e cuidados com a lotação dos espaços certamente também seguirão pelo próximo ano.

Além disso, o período de isolamento social evidenciou a importância de uma comunicação efetiva entre empresas, clientes e parceiros comerciais. Informações sobre horários de funcionamento, restrições e formas de atendimento devem ser transmitidas a todos os públicos-alvo. Este é um momento de dúvidas para todos, por isso evite confusões e invista em conteúdos nas redes sociais ou sites!

O mesmo é válido para a comunicação entre colaboradores e empresas. Esteja a equipe trabalhando de casa ou não, é importante que o funcionário se sinta incluído e valorizado. Conteúdos em canais internos, como intranet ou grupos em redes sociais, são essenciais para manter o time informado. Além disso, será possível alinhar objetivos e ações, trazendo mais tranquilidade e segurança para o colaborador.

Leia mais: “Baixe agora: Canvas do Modelo de Negócios

Quer encontrar mais dicas sobre empreendedorismo e inteligência de mercado? Siga a ACP nas redes sociais – estamos no Facebook Instagram!

Referências: Resultados DigitaisRunRun.IT BlogRock Content.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.