Skip to main content

Quem possui um comércio, especialmente se for pequeno, sabe que não é fácil dar conta de todos os afazeres e manter organização e meta de vendas em dia. No Brasil, 99% das empresas são micro ou pequenas, ou seja, este universo está presente em sua esmagadora maioria.

 

Por contar com uma quantidade muito limitada de funcionários, o proprietário do pequeno comércio acaba por, muitas vezes, assumir mais tarefas do que deveria ser o comum.

 

Por isso, trouxemos algumas dicas valiosas para você dar conta do negócio e ainda impulsionar suas vendas.

 

Gestão de Estoque

 

Nenhum comércio vai se desenvolver sem um estoque adequado para seus clientes. Faça estudos de mercado antes de abrir seu negócio e fazer as compras. Após a abertura do negócio, por se tratar de um processo de rotina, invista nas melhores novidades e nos itens que têm maior saída.

 

Para facilitar, um bom sistema de Gestão de Estoque vai automatizar esse processo e você ganha mais tempo e economiza com o que pode ser desnecessário.

 

Datas comemorativas

 

Dependendo da loja, certas datas comemorativas precisam estar no radar para ter um bom estoque de presentes. Vende doces? Capriche na páscoa. Dia das mães ou dos namorados vendem flores ou chocolates. Confira o calendário e fique em dia com o seu planejamento de estoque!

 

Planejamento Financeiro

 

Para o seu comércio sobreviver, o ponto principal é manter o departamento financeiro em dia. Uma boa dica é trabalhar com centros de custo e evitar, a todo custo, utilizar o dinheiro de um centro para pagar contas de outro. Ou ainda misturar o dinheiro da empresa com gastos pessoais. Hoje, contamos com uma grande variedade de bancos (inclusive digitais) para abrir sua conta Pessoa Jurídica, evitando problemas futuros com o faturamento.

Tenha um orçamento definido para cada área e também defina cenários diferentes para evitar surpresas negativas. Não esqueça também de alinhar a sua média mensal de lucro com as despesas fixas (luz, água, telefone, aluguel, funcionários) e as variáveis (comissões, matéria-prima, impostos).

 

Delegue tarefas

 

Provavelmente, você gosta de acompanhar de perto tudo o que acontece em sua loja, certo? Afinal, é o seu negócio, você sonhou e se esforçou para colocar um projeto em prática. Mas centralizar todas as tarefas pode acabar transformando seu sonho em pesadelo.

 

É necessário delegar tarefas para não sobrecarregar o seu dia a dia e evitar possíveis erros na condução da empresa.

 

Está na dúvida? Deixe as tarefas técnicas para a sua equipe, enquanto você se ocupa com a gestão propriamente dita, o que, com certeza, vai auxiliar no crescimento do seu negócio.

 

Automatizar

 

Para o pequeno empresário, pensar em automatizar processos do seu comércio pode significar altos custos, que chegam a inviabilizar o andamento das atividades.

 

Porém, hoje existem no mercado opções mais acessíveis e que contemplam diversas áreas. É o caso do Myrp, sistema de gestão 100% on-line que pode ser acessado a qualquer dia da semana em qualquer equipamento e abrange:

 

– Emissão de documentos – via telefone, chat ou e-mail

Gestão Financeira – incluindo boleto com registro

– Controle de Vendas e Estoque –  incluindo alerta mínimo de estoque

Frente de Caixa

Atualizações fiscais de acordo com as normas vigentes

– Acesso próprio para o seu contador.

 

Se interessou? Clique aqui para conhecer e se surpreender!

 

 

Fonte: Sebrae

ACP

ACP